O Papa recomenda direção espiritual aos católicos

Vaticano, 19 Mai. 11 / 12:21 pm (ACI/EWTN Noticias)

Ao receber este meio-dia (hora local) os alunos da Pontifícia Faculdade Teológica "Teresianum" de Roma por ocasião do seu 75° aniversário, o Papa Bento XVI exortou à prática da direção espiritual para que todos os católicos cresçam cada vez mais em "apaixonada capacidade de amar e servir à Igreja".

Em seu discurso em italiano o Santo Padre assinalou que "como nunca deixou de fazer, também hoje a Igreja segue recomendando a prática da direção espiritual, não só a quem deseja seguir o Senhor de perto, mas a todo cristão que quer viver com responsabilidade o próprio Batismo, quer dizer a vida nova em Cristo".

O Santo Padre afirmou que "cada um, e de modo particular quem tem acolhido a chamada de Deus para segui-lo mais de perto, têm necessidade de ser acompanhados pessoalmente por um guia seguro na doutrina e perito nas coisas de Deus".


Este guia deve estar na capacidade de "ajudar a proteger-se de subjetivismos simples, pondo à disposição a própria riqueza de conhecimentos e experiências vividas no seguimento de Jesus".

Referindo-se à espiritualidade carmelita da Pontifícia Faculdade Teológica "Teresianum", o Papa sublinhou "o vasto movimento de renovação que se originou na Igreja fruto do testemunho dos santos Teresa de Jesus e João da Cruz. Suscitou o ressurgimento de ideais e de ardor de vida contemplativa que no século XVI, inflamou, por dizer assim, a Europa e o mundo inteiro".

Dirigindo-se aos estudantes, o Santo Padre ressaltou que "na esteira deste carisma se situa o trabalho de aprofundamento antropológico e teológico, a tarefa de penetrar no mistério de Cristo, com a inteligência do coração, que é ao mesmo tempo um conhecer e um amar; isto exige que Jesus se situe no centro de tudo, de seus afetos e pensamentos, de seu tempo de oração, de estudo e de ação, de toda sua vida".

"Tenham em conta que estes anos estudo são um precioso presente da Providência divina, um dom que deve ser acolhido com fé e vivido diligentemente, como uma oportunidade irrepetível para crescer no conhecimento do mistério de Cristo".

Seguidamente o Papa recordou que "reveste grande importância no contexto atual o estudo profundo da espiritualidade cristã a partir de seus orçamentos antropológicos. A preparação específica que proporciona é sem dúvida importante porque capacita para o ensino desta disciplina, mas é uma graça ainda maior pela bagagem sapiencial que traz consigo para a delicada tarefa da direção espiritual".

O Papa pediu logo aos alunos que aproveitem o que aprenderam nestes anos de estudo "para acompanhar os que a Providência divina lhes confie, ajudando-lhes a discernir os espíritos e a seguir as moções do Espírito Santo, com o objetivo de conduzi-los à plenitude da graça".

Comentando o fato de encontrar-se em Roma, Bento XVI animou os estudantes a "abrir-se à dimensão universal da Igreja, a "sentire cum Ecclesia", em profunda sintonia com o Sucessor de Pedro" e os exortou a "viver sempre uma maior e mais apaixonada capacidade de amar e servir à Igreja".
 
Fonte: http://www.acidigital.com/noticia.php?id=21806

Leave a Reply

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...